Sempre enxergando mais a fundo

Time is money

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

On 02:20 by Oziel Araujo in    Sem comentários


O consumo per capita de petróleo na Arábia Saudita é mais elevado do que o dos EUA e os países mais desenvolvidos.
Há muito tempo conhecido como o país mais rico em petróleo no mundo. Os depósitos de petróleo da Arábia Saudita têm diminuido cada vez mais, tal diminuição sugere que essa nação árabe venha se tornar um importador de petróleo em menos de 20 anos, de acordo com o relatório publicado pelo Citigroup Inc.

Com taxas altas na  produção de
eletricidade do país em crescimento de até oito por cento ao ano e com petróleo e seus derivados usados ​​para gerar cerca de 50 por cento da energia usada por seus próprios cidadãos, o Banco de Energia avisa que a Arábia Saudita poderia ficar sem o petróleo bruto necessário para manter abastecida com energia sua população jovem e relativamente rica, forçando-a a importar o combustível a partir de outras nações por volta do ano de 2030.
"Se o consumo de petróleo  da Arábia Saudita cresce em linha com a demanda de potência de pico, o país poderá ser um importador líquido de petróleo em 2030", escreve o analista do Citigroup Heidy Rehman. 
Embora a sua saída é baixa, a Arábia Saudita produz eletricidade através de gás natural, mas a energia produzida a partir dessa fonte é toda consumida no mercado interno. O país está planejando para desenvolver a energia nuclear, a fim de melhor cobrir a demanda local e conservar o óleo para exportação lucrativa; as vendas de petróleo da Arábia Saudita em todo o mundo no ano passado foram responsáveis ​​por uma grande parte de sua economia de US $ 600 bilhões.
Há preocupações também crescentes sobre o uso excessivo de água da Arábia Saudita - o país consome 250 litros ao dia por cada cidadão- e aqueles cidadãos dependentes de recursos de energia do país estão enfrentando uma série de problemas iminentes que deverão ser tratados o quanto antes.
Fonte: Consumer Energy Report

0 comentários:

Postar um comentário